Copy
News #6: Vagas: quedê?
Ver no navegador

Tudo bem?
É oficial! Metade de um ano já se foi...

 
E sim, tô atrasadinha esse mês na minha comunicação, mas às vezes a gente tem que saber parar, respeitar nosso corpo, nossa saúde, fazer um balanço de tudo que estamos dando atenção e reavaliar, repriorizar (essa última palavra eu acho que tô inventando rs) e reformular as coisas. Ter auto respeito é uma coisa que raramente pensamos sobre nos dias de hoje, né? Num mundo de correrias e agendas cheias, quem vai pensar em se colocar em primeiro lugar, por um instante que seja?

Por isso, assim como eu, sugiro que você faça uma pausa qualquer dia desses e reavalie o seu ano até aqui. Tenho certeza que algumas coisas poderão ser deixadas pra depois para dar lugar à atenção que você mesmo merece de você. E assim, certamente, algumas coisas ficarão mais claras, até mesmo as questões de carreira que podem estar te perturbando tanto. Tá bem? Então tá, dá um relax aí também.

O tema da newslinda de hoje surgiu por eu ver que tem muita gente que não sabe nem onde procurar emprego. Algumas pessoas insistem nas plataformas de cadastro de CV tradicionais e a gente sabe que as chances de serem contratados têm sido bem baixas. Como eu sempre digo: o mundo mudou e as mudanças têm sido realmente exponenciais - tudo muda muito rápido. Não seria diferente com o recrutamento e seleção.

Você sabe porque é tão difícil ser chamado por cadastros feitos em portais como o vagas.com ou Catho da vida? Veja bem, vou te explicar:

Pensa comigo: assim como você, existe um número que gira em torno de 14 milhões de desempregados que podem estar utilizando o mesmo portal e cadastrando o CV daquele jeito mecânico e automático que os sistemas propõem, right? Right! Sendo assim, pensa bem, quantos CVs não vão parar na mesma vaga. Pensou? Agora, vem cá, você acha que algum RH vai ler todos aqueles CVs? Acho que não, né? Então, eles usam algum tipo de sistema que vai buscar por palavras-chave para selecionar os CVs que serão lidos. Às vezes você é uma pessoa super capacitada para essa vaga, porém, não usou as palavras que passariam no sistema.

Tem como resolver isso? Sim, de certa forma tem. Basta você ler com muuuita atenção sobre a vaga e os requisitos obrigatórios e desejáveis dela para saber quais palavras devem estar ali com certeza, mas, ainda assim, fica difícil, né? Ainda existem muitas variáveis que eu, sinceramente, ainda não conheço. Mas assim que eu colocar a mão num sistema desse, vocês vão saber também, ok? ;)

Acho que deu pra entender mais ou menos porquê não rola mais sentar o bumbum no computador e confiar só no santo do vagas.com e da Catho, né? Mandar 100 e-mails por dia NÃO faz de você um candidato esforçado. Desculpe a bofetada. Eu ainda gosto de você! <3

Então, Raquel, não é mais pra eu usar o vagas.com ou a Catho? 
Não é bem assim, meu bem. Você ainda pode usar, mas vai ter que ter foco, usar as palavras-chave e também tentar contato com a empresa da vaga por outros meios, como por exemplo, o Linkedin. 

Não vou me aprofundar muito nesse assunto em específico agora, mas fique de olho nas dicas que tenho postado nos stories do Instagram. Já falei sobre isso por lá e se você ainda não me segue lá e perdeu, vou colocar aqui um link pra você assistir e rir da minha cara, quer dizer, aprender um pouco mais sobre isso e sobre a carta de apresentação também! (Tá vendo como eu ainda gosto de você <3)

Vamos lá: quais portais eu indico pros meus clientes lindos marabrilhosos que eu amo tanto:

O mais novo clááááásico: Linkedin
T-O-D-X profissional que busca trabalhar para alguma empresa, principalmente as de médio e grande porte, tem que ter um perfil atualizado nessa rede. Aprenda a mexer nesse maledeto, faça posts relativos à sua área de atuação lá e compartilhe notícias e artigos. Todas essas coisas ajudam muito a ter um perfil com mais visibilidade.

O trampos.co, que não tem vagas para tooooodo tipo de profissão, mas tem vagas reais e bacanas, principalmente pro pessoal da comunicação, marketing, rádio tv e até tecnologia da informação. Eles surgiram de uma iniciativa colaborativa para juntar os trampos às pessoas que precisavam deles e acabaram virando um portal.

O 99jobs.com que é um queridinho meu. Comecei meu brilho nos olhos e esperança quando conheci eles e fiz um workshop por lá. Vejo muitas vagas de estágio e início de carreira na maioria das vezes, mas também já vi para cargos pleno e sênior, então, dá uma fuçada, tá? Uma dica bem legal é fazer o cadastro no site deles e o teste eletrônico de perfil que eles propõem. O objetivo da 99jobs é, a partir desse cadastro, trazer para você as vagas e as empresas que mais têm a sua cara. E ah! Aqui você pode ler avaliações reais sobre as empresas feitas pelos funcionários e/ou ex funcionários!

O Love Mondays que, além de vagas, assim como a 99jobs, traz avaliações reais de funcionários e/ou ex funcionários das empresas. O diferencial deles, pra mim, é que eles também divulgam a faixa salarial dos cargos em determinadas empresas. Pra ter acesso à toda essa informação, você vai ter que se cadastrar e avaliar as empresas que trabalhou e falar quanto ganhava. É colaborativo. Você ajuda a popular o banco de dados deles e eles abrem esse mundo de informações pra você. Acho válido! (Obs: se você nunca trabalhou em alguma empresa para poder avaliar, pede um help pra sua mãe pai tio tia irmão irmã mozão etc e tal).

Também tem o Adzuna, que vi uma pessoal por aí recomendando. Ele te ajuda na busca trazendo resultados de vários sites de vagas e possui vários filtros que podem te ajudar a encontrar vagas em outras cidades e tal. Eu não sei se confio 100% que todas as vagas são realmente "reais" nesses portais muito grandes, sabe? Tem muita vaga fantasma por aí, que são aquelas vagas que são preenchidas e continuam rodando em sites de busca ou em redes sociais, ou porquê a empresa não tirou do ar ou por outros motivos.

Maaas, não custa buscar e, assim como pro vagas.com e pra Catho, vale se cadastrar nas vagas que você encontrar no Adzuna sim. Só não esqueça da dica lá de cima: procure outros meios de mandar seu CV pra essa oportunidade. Beleza?

E aí, curtiu? Foi útil pra você? Me conta o que achou e sobre o que você quer ler!

Ah, como prometido, AQUI você terá acesso à uma pasta no Dropbox para ver os stories que fiz no Instagram e salvei pra compartilhar com você da minha lista. :)

Vídeo 1 falando sobre porquê não funciona mais mandar 300 CVs automaticamente
Vídeo 2 com dicas para carta de apresentação (esse eu não consegui salvar do comecinho, infelizmente, mas o que interessa de conteúdo tá aí!)
Fora toda minha maluquice. huhuhu


Depois me conta o que você achou? Se tiver sugestões de temas pra eu gravar, mandaí! :)

Beijos e beijas,
Raquel Tetti :)


Obs1: tô sendo coach/ orientadora profissional voluntária num projeto muito foda que visa ajudar os desempregados em São Paulo/ SP (por enquanto). Vem muita coisa boa por aí, então, se você é de SP e está desempregadx conheça o Cruzando Histórias!

Obs2: ainda sobre o Cruzando Histórias, vai rolar uma oficina gratuita de recolocação profissional para desempregados da área comercial. Se você é essa pessoa e tem interesse, inscreva-se aqui! A oficina será ministrada por mim. :)

Obs3: Se você tiver alguma sugestão de tema, fique à vontade para falar!

Obs4: Acompanhe mais dicas também pelo meu site e redes sociais. Os links estão nos ícones abaixo
.
Facebook
Instagram
Twitter
Site
Não quer mais receber essa news maravilhosa?
Você pode se descadastrar da lista aqui!

Copyright © 2017 Raquel Tetti Coaching, All rights reserved.